- Formado pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro
- Doutorado e Livre-Docência - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
- Especialista em Endocrinologia de adultos e crianças
- Professor de graduação e pós-graduação da Faculdade de Medicina da USP
- Professor Visitante no laboratório de Neuroendocrinologia Molecular no
Hospital Cedars-Sinai da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, EUA
- Ex-Presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
(SBEM - regional SP)
- Ex-Presidente da International Pituitary Society
- Ex -Membro do comitê de relações internacionais da SBEM
- Membro de vários conselhos editoriais de revistas médicas nacionais e  internacionais
- Editor-Chefe dos Archives of Endocrinology and Metabolism (ex-Arquivos Brasileiros
de Endocrinologia e Metabologia) desde  2015
- Membro efetivo da SBEM
- Membro da Sociedade Americana de Endocrinologia (Endocrine Society)
- Membro da Pituitary Society

dr_marcello_out_2017_v2

Prêmio de Excelência Clínica

TES logo

O Prof. Dr. Marcello D. Bronstein foi um dos contemplados com o Laureate Awards da Endocrine Society, a maior e mais importante sociedade de Endocrinologia, com cerca de 18.000 membros dos Estados Unidos e de 122 países.

O Laureate Awards é concedido anualmente a 14 profissionais de diversas áreas da Endocrinologia, da pesquisa básica à atividade clínica, que trouxeram avanços de pesquisa e cuidados para pacientes com centenas de doenças, incluindo diabetes, distúrbios da tireoide, hipófise, obesidade, cânceres relacionados a hormônios, problemas de crescimento, sexualidade, reprodução e infertilidade.

O Dr. Bronstein recebeu o prêmio Outstanding Clinical Practitioner Award  ( Excelência na Prática Clínica), que será entregue durante a ENDO 2018, a 100ª Reunião Anual e Expo da Endocrine Society, de 17 a 20 de março de 2018 em Chicago, Illinois.

ESPECIALIDADE

Endocrinologia e a Metabologia

O Prof. Dr. Marcello D. Bronstein tem larga experiência em todas estas áreas, tendo se dedicado especialmente ao estudo das doenças da hipófise, tireóide (hipotireoidismo, hipertireoidismo, nódulos e câncer), paratireóides (metabolismo do cálcio, osteoporose, cálculos renais), glândulas suprarrenais (excesso ou falta de cortisona, aumento de pelos em mulheres, hipertensão arterial de causa endócrina) e gônadas (testículos e ovários), cujas doenças levam à redução do interesse sexual, problemas de ereção, distúrbios menstruais, infertilidade de causa hormonal, aumento de pelos em mulheres, puberdade precoce. Também tem grande experiência no tratamento de distúrbios metabólicos como Diabetes.

TEMAS DE ENDOCRINOLOGIA E METABOLISMO

ENTENDENDO OS HORMÔNIOS

DOENÇAS DA HIPÓFISE

MITOS E VERDADES SOBRE O HORMÔNIO DO CRESCIMENTO

O que há de comum entre um cavalo e uma ameba? Aparentemente nada, mas são ambos seres vivos, pertencentes ao reino animal. A diferença (entre muitas outras, é claro!) é que a ameba é formada por uma única célula, ao passo que o cavalo, como a maioria dos animais, incluindo os chamados racionais, é constituído por milhões de células. 

A hipófise é uma pequena glândula com cerca de 1g de peso situada no centro do cérebro. Apesar das suas pequenas dimensões, ela é responsável por produzir hormônios que controlam várias outras glândulas, também produtoras de hormônios, como a tireóide.

Muito se fala sobre o hormônio do crescimento (GH, do inglês “growth hormone), mas boa parte das afirmações são incorretas ou exageradas. Vamos a alguns exemplos:

PROLACTINA NA SAÚDE E NA DOENÇA

REFLEXÕES SOBRE O TRATAMENTO DA OBESIDADE

OBESIDADE INFANTIL - ALGUMAS CONSIDERAÇÕES

A prolactina é um hormônio produzido na glândula hipófise que, como o nome sugere, estimula a produção do leite materno. Ela é produzida, curiosamente, nos dois sexos, mas se eleva na gravidez e no puerpério. 

A obesidade atingiu proporções epidêmicas, tornando-se um problema de saúde pública. Desta forma, além da natural preocupação com a estética, as pessoas acima do peso devem pensar nas doenças associadas à obesidade, como pressão alta, diabetes, elevação de gorduras no sangue e problemas nas articulações, como joelho. 

A obesidade é o resultado de uma relação matemática: consumo calórico maior que gasto calórico, independentemente de idade, sexo, raça, classe social ou qualquer outro fator. 

Alimentação Saudável

Bioimpedância

Calorimetria

Uma alimentação saudável envolve três pontos-chave : equilíbrio, variedade e moderação. 

A bioimpedância é um exame que avalia com precisão e rapidez a composição corporal. Através de uma corrente elétrica imperceptível é possível avaliar a massa gordurosa, a massa magra e a água corporal.

O que é Taxa de Metabolismo Basal?

(ou Gasto Energético Diário ou Gasto Energético Basal)A Taxa de Metabolismo Basal (TMB) mostra quanto o organismo gasta quando está em repouso.